Aluguel social ao Pinheiro, Mutange e Bebedouro é garantido pelo ministério

O Governo Federal garantiu o pagamento do aluguel social aos moradores dos bairros Pinheiro, Mutange e Bebedouro, que estão sendo afetados pela instabilidade do solo. A informação foi confirmada pelo prefeito de Maceió, Rui Palmeira, após uma reunião reunião com o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, e com o secretário nacional de Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas em Brasília.

“Temos em Maceió centenas de famílias deixando suas moradias. A garantia do aluguel social é o mínimo para levar um pouco de segurança e tranquilidade às famílias dessas áreas”, frisou o prefeito.

Sobre os recursos solicitados pela Prefeitura de Maceió, no valor de R$21 milhões para a ajuda humanitária, o prefeito destacou que solicitou o empenho do Governo Federal para dar uma garantia às famílias. “Eles nos informaram que, no momento em que formos repassando esses recursos, a partir dos próximos lotes, vão fazer a liberação do restante dos recursos”, disse o prefeito.  Na última segunda-feira (15), foi publicado o empenho de R$ 7 milhões.

O secretário de Defesa Civil de Maceió, Dinário Lemos, informou que uma das pautas da reunião foi a busca de soluções para a reestruturação de parte dos bairros afetados. “Viemos a Brasília também para cobrar do Governo Federal a questão da recuperação do bairro, se já estão estudando isso, e a questão da macrodrenagem do bairro do Pinheiro”, explicou Lemos.

Minha Casa, Minha Vida

O prefeito Rui Palmeira aproveitou a reunião com o ministro Gustavo Canuto para pedir agilidade na autorização de cessão dos imóveis do Minha Casa, Minha Vida que estão em construção em Maceió para as famílias que moram atualmente na encosta do bairro Mutange. “Precisamos remover as famílias da barreira do Mutange e para isso, esperamos que o Ministério possa, o mais rápido possível, nos dar uma resposta positiva para tranquilizar um pouco mais a população”, disse o prefeito, que também solicitou recursos para a obra de macrodrenagem do Pinheiro.

18/07/2019

(Visited 2 times, 1 visits today)