Governo já investiu mais de R$50 milhões em mobilidade urbana nas grotas de Maceió

Por décadas, as grotas de Maceió foram esquecidas pelo poder público e obras e serviços básicos não chegavam a essas comunidades. Esse cenário vem mudando desde 2016, quando o Governo do Estado, por meio do programa Vida Nova nas Grotas, começou a realizar obras estruturantes que tornam mais dignas as condições de moradia dessa população, garantindo mais segurança, mobilidade e qualidade de vida. Na próxima terça-feira (14), o Governo de Alagoas e o Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-Habitat), parceiro do Estado no programa, realizam o Dia D do Vida Nova nas Grotas na Grota do Poço Azul, no Jardim Petrópolis I, às 9h30.

Desde o início do programa, o Governo do Estado já investiu mais de R$ 50 milhões em obras nas 48 grotas contempladas até o momento. Foram construídos mais de 19.000 metros de escadarias drenantes, mais de 20 mil m2 de passeios, foram implantados mais de 30 mil metros de corrimão e cerca de 500 metros de pontilhão. O programa contempla também a instalação de canaletas, meio-fio, pavimentação e a construção de muros de arrimo para a contenção de terra em terrenos inclinados, proporcionando mais tranquilidade e conforto aos moradores.

O Vida Nova nas Grotas tem garantido melhorias notáveis nas comunidades, alcançando diretamente moradores como a Dona Toinha, da Grota de Ipioca, que relata emocionada a mudança na comunidade com a chegada das obras.“Eu tive que ir morar na Barra de Santo Antônio porque aqui na grota eu não conseguia chegar em casa, era cheio de buracos. Quando minha família disse que eu podia voltar pra minha casa, que o Governo estava trabalhando aqui, eu tive a maior alegria do mundo, a maior alegria da minha vida. Hoje eu consigo andar pela grota e fico muito feliz pelo programa ter chegado aqui”, declarou.

Estima-se que cerca de 300 mil pessoas são moradores de grotas e serão beneficiados pelo programa. De acordo com o secretário executivo de Transporte e Desenvolvimento Urbano, Alcides Tenório, todas as grotas da capital serão atendidas pelo Vida Nova nas Grotas até 2022. “O objetivo é levar o programa para todas as comunidades. Aproximadamente 80% das obras que já estão em andamento serão concluídas até o fim do ano e o restante no início de 2020”, afirma.

O secretário executivo destacou que estão previstas construções de equipamentos de convívio social urbano e de esporte e lazer nas comunidades contempladas. “Algumas grotas, como a do Ouro Preto e a Grota do Pau D’Arco, terão obras de recuperação de quadras esportivas e outras ainda receberão a construção de mini praças com o objetivo de gerar interação comunitária e bem-estar social”, explica.

“O alcance que um programa como o Vida Nova nas Grotas tem é impressionante. Não há nada mais satisfatório do que poder vivenciar a felicidade dos moradores dessas comunidades quando concluímos as obras. Eles percebem que, finalmente, depois de tanto tempo, estão sendo vistos, valorizados e que não são mais ‘moradores fantasmas’ de Maceió”, disse o secretário. “Poder ver o sorriso de felicidade estampado no rosto dessas pessoas é algo realmente impagável e que nos faz acreditar que estamos no caminho certo, trabalhando incessantemente por quem mais precisa do apoio do poder público”.

Melhorias habitacionais

O programa cresceu e hoje engloba ações de diversas secretarias como, por exemplo, a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra), que dá atenção individualizada aos moradores das grotas, realizando pequenas reformas nos interiores de suas casas.

O reforço dado pela Seinfra está presente no programa desde 2017 e garante melhorias da “porta para dentro” das casas, realizando serviços de até R$ 5 mil, que podem variar entre melhorias de cobertura, de banheiro, de cozinha, de revestimento ou de piso. Já foram visitadas mais de mil casas nas comunidades, algumas já tiveram as obras concluídas, outras estão com serviços em andamento e cerca de 500 estão em processo de licitação. A previsão é que cerca de 2 mil residências serão beneficiadas com as melhorias.

Ascom – 08/05/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)